[Resenha] Criminosos do sexo – Volume I

criminosos-do-sexoSinopse:

Suzie era uma garota como qualquer outra e tudo na sua vida parecia ser um tédio só, até o dia em que, ao ter seu primeiro orgasmo, o tempo parou… literalmente! Então, durante uma festa, ela e Jon se apaixonam e, ao fazerem sexo, vem outra revelação inesperada: ele também tem o mesmo poder bizarro! Conforme seu relacionamento prossegue e suas histórias sexuais vão sendo exploradas, os dois decidem fazer o que qualquer casal que consegue parar o tempo depois de praticar sexo faria: roubar bancos!

Fonte: Devir

 

Ganhei um vale-presente da cultura e deparei com esse quadrinho enquanto chafurdava pelas opções. Julguei pela capa e achei interessante. Li a premissa na quarta capa, folheei de leve, ridicularizei e coloquei de volta na prateleira. E aí o ganhei de presente NO DIA SEGUINTE (fica aqui mais um obrigada <3). Li de uma vez (a caminho da faculdade com várias pessoas julgando minha leitura no ônibus) e cá estou, pagando minha língua.

Suzie, a protagonista, nos conta em primeira pessoa sobre sua infância e como descobriu sua surpreendente habilidade. A maneira como esse começo da narrativa foi desenhado me agradou muito, com Suzie adulta literalmente nos guiando pelos acontecimento. O fato de dois homens escreverem uma história a) com protagonista feminina e b) sobre sexo me deixou a princípio com dois pés atrás. Mas eles abordam os temas da HQ (que passam por morte, masturbação, drogas, estupro e bissexualidade) com surpreendente leveza e bastante respeito.

Suzie trabalha numa biblioteca que está prestes a fechar por conta de uma hipoteca. Jon trabalha no banco que está querendo fechar a biblioteca. Eles transam e decidem que pegar o dinheiro do banco para pagar o banco é uma boa solução – mas não sem antes parar o tempo e fazer uma bagunça bem zoeira num sex shop. Acostumados a saírem impunes de qualquer coisa que aprontam enquanto o tempo está congelado, eles se surpreendem tanto quanto o leitor quando veem que a coisa não é bem assim. A história poderia ter se fechado aí, e o fato de os autores escolherem não fazê-lo despertou imensamente a minha curiosidade quanto ao que há nos próximos volumes.

Acho que o que mais gostei nesse quadrinho é que o sexo é tratado sem solenidades – embora sempre com respeito. Suzie chama o momento em que o tempo para de o Silêncio. Jon chama de Mundo da Porra. Ambos parecem se divertir muito um com um outro, e seu vínculo se aprofunda rapidamente quando eles compartilham suas experiências com o Silêncio e fora dele. As outras relações de Suzie, embora secundárias, não são totalmente superficiais. Gostei particularmente de ser surpreendida por Rachel, sua melhor amiga e roommate.

Nós dávamos muito espaço uma para a outra nessa época. E, de repente, quando nos demos conta, espaço era tudo que tínhamos.

A história é contada em um traço que me agradou bastante. Os corpos têm movimento e são bem expressivos – e não só o rosto dos personagens. A dinâmica dos quadros em si é recursiva e bem pensada e me fez imaginar rapidamente uma versão cinematográfica. O enredo avança e retrocede no tempo, dosando as informações que disponibiliza ao leitor de maneira envolvente e recheada de bom humor.

A edição da Devir ainda conta com alguns extras, como a transcrição de uma breve radionovela dos autores e uma galeria de capas de diferentes reimpressões (todas lindas!). É uma leitura rápida, divertida e que te deixa ansioso pelo próximo volume.

*

Criminosos do sexo
Autores: Matt Fraction e Chip Zdarsky
Tradutor: Guilherme Miranda
Editora: Devir
Ano de publicação: 2015

Scans aperitivos:

Criminosos1

“Jon… Seu pinto tá brilhando?”

Criminosos2

Criminosos3

2 respostas em “[Resenha] Criminosos do sexo – Volume I

O que achou deste post?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s