[Lista] Nossos favoritos – Dia do Livro 2015

Feliz dia do livro! Em homenagem a esse dia, vamos seguir o exemplo desafiador da Brenda, do Sobre Livros e Traduções, e listar os nossos livros favoritos.

Criar uma lista dessas não é fácil – livros novos entram em nossas vidas a todo momento, e é sempre difícil comparar as obras que lemos. Mas fizemos um esforço e aqui está a lista de obras que conquistaram um lugar nos nossos corações.

Aviso: As obras não estão em ordem de preferência.

Aviso 2: Só para registrar: eu queria inserir O Senhor dos Anéis e Artemis Fowl na minha lista, mas a Isa foi mais ligeira.

diadolivro 

Singela lista da Isa

diadolivro1

1. Odisseia

Começando do começo mesmo. Ainda farei um post sobre os dois poemas homéricos, mas por enquanto digo que ler a Odisseia pela primeira vez inspirou um amor renovado pela Grécia antiga que eventualmente me levou até lá. É uma narrativa sensacional e moderna em muitos sentidos, tanto estruturalmente como pelo seu protagonista viajante e malandro. É uma obra que deixa janelas abertas para interpretação há quase 3 mil anos, e merece ser lida e relida. De fato, Homero é o único que eu colocaria acima de Tolkien em uma lista (mesmo que esta numeração seja meramente simbólica).

2. O Senhor dos Anéis

Li A sociedade do anel pela primeira vez em 2001, e foi o livro que mais me despertou para a fantasia (em especial a fantasia épica, meu gênero preferido até hoje). Apesar de ler muitos outros do gênero, a trilogia e o mundo de Tolkien ainda me encantam.

3. Orgulho e Preconceito

Nem sei quando li este livro pela primeira vez, mas foi há mais de uma década. Desde então li as outras obras de Jane Austen, pra não mencionar várias outras autoras de sua época (menção honrosa para Charlotte Brontë), mas esta continua sendo o ápice, e Darcy e Lizzie são um dos meus casais preferidos da literatura.

4. Crime e castigo

Mais clichê impossível, mas este foi o primeiro livro que me fez mergulhar na literatura russa. Depois li os outros grandes romances de Dostô, mas Crime e castigo ainda é meu preferido – a narrativa angustiante te faz delirar e sofrer junto com Raskolnikov, discutindo questões existenciais em quartinhos mal iluminados. E, no mínimo, você aprende como não se comportar numa investigação policial.

5. O conde de Monte Cristo

Tudo que Dumas père escreveu é fantástico (Os três mosqueteiros e suas continuações valem muito a pena), mas este livro é meu preferido. Apesar de suas milhares de páginas, é uma leitura muito rápida: aventura pura, com reviravoltas, intrigas e a promessa de uma vingança que você fica louco pra ver se desenrolar.

diadolivro2

6. A canção de Aquiles

Uma releitura da Ilíada pelos olhos de Pátroclo, este livro arranca seu coração e pisa nele, e você ainda fica agradecido por isso. Se chorar na posição fetal é um de seus hobbies, leia a resenha completa.

7. Artemis Fowl

Já falei mais de uma vez que amo essa série, apesar de haver um ou dois livros não tão excelentes entre os oito. Mesmo assim, Artemis tem um desenvolvimento maravilhoso do primeiro ao último livro, e Holly Short está entre minhas personagens preferidas de todos os tempos.

8. Trilogia Mistborn

Apesar de não ter uma escrita tão elaborada quanto a de outras fantasias, foi um dos livros que mais me deixaram embasbacada ao final com a genialidade da trama, pra não mencionar como o destino dos personagens me emocionou. O fato de ter uma protagonista feminina incrível só ajuda. E, claro, foi a obra que me levou a ler muitas outras do meu querido Brandon Sanderson.

9. As crônicas de Artur

Esta é minha obra preferida do genial Bernard Cornwell (as Crônicas Saxônicas ficam logo atrás) e é tão boa que impossibilitou que eu lesse qualquer outra sobre essa temática. A trilogia é uma recontagem da lenda arturiana narrada em primeira pessoa por um personagem original, e mistura realidade e magia, te deixando sempre na dúvida e criando um cenário que deixa saudades.

10. Os portais de Anúbis

Vou apenas deixar o link para a resenha.

diadolivro311. Io non ho paura

Esse livro singelo de Niccolò Ammaniti é uma pérola da literatura italiana contemporânea, contado em primeira pessoa por um narrador que lembra de sua infância – mais especificamente, de quando se viu envolvido com o caso de um sequestro de outro garoto. É muito bonito e tem um ponto de vista infantil perfeito.

12. O mestre e margarida

Este livro insano escrito entre 1928 e 1940 conta duas histórias paralelas: uma relata a chegada, na União Soviética, de Satanás e seu séquito (que inclui um gato falante, entre outras figuras fantásticas); a outra apresenta o julgamento de Jesus por Pôncio Pilatos. O livro é delirante e, ao final, você sente que perdeu metade do que ele estava tentando dizer. Mesmo assim (ou talvez justamente por isso), é uma leitura maravilhosa.

13. O sol é para todos

Um clássico da literatura estadunidense, este livro apresenta o racismo através dos olhos de uma garota cujo pai defende um negro acusado injustamente de um crime. O preconceito, a injustiça e a ignorância são apresentadas ao lado da bondade e da força de caráter, e é um livro que não deixou (e provavelmente não deixará tão cedo) de ser relevante.

14. E não sobrou nenhum

Acho que nunca mencionei no blog a rainha do crime (que absurdo!), mas tive minha época Agatha Christie, em que li dezenas de obras dela. É claro, muitos seguem uma “fórmula”, mas nem por isso são menos divertidos – e há entre eles algumas pérolas, como este (anteriormente publicado como O caso dos dez negrinhos), que são leitura altamente recomendada para todos os fãs de suspense.

15. O último unicórnio

“Raramente somos o que parecemos, e quase nunca o que sonhamos.” Algumas das minhas citações preferidas de todos os tempos estão neste livro. Uma hora dessas preciso relê-lo e resenhá-lo; por enquanto fica a dica: é lindo demais.

Lista da Bárbara

diadolivro41. Harry Potter

Acho que está ficando ridícula a frequência com que eu explico, aqui no blog, o meu amor por Harry Potter. Desta vez, vou poupar vocês de repetições e deixar um vídeo engraçadinho.

2. Laranja Mecânica

Li este livro antes de ver o filme, e sem fazer ideia do que esperar. Foi um grande choque, e um muito agradável. Sempre gostei de psicopatas e de conflitos éticos, e este livro me faz refletir até hoje.

3. Alice no País das Maravilhas

Um dos livros que mais reli na vida, a cada leitura ele me traz alguma nuance nova, ou ao menos me permite apreciar e me divertir com algum detalhe que eu já tinha esquecido. Acho que deveria ser leitura obrigatória – simplesmente porque adoro fazer referências a ele, e gostaria que todos entendessem.

4. O Pequeno Príncipe

Sim, estou mesmo sendo clichê. Mas sabe quando uma lição de vida, por mais clichê que seja, toca fundo no seu coração e fica ecoando de novo e de novo? É como eu me sinto com tudo o que aprendi nesta obra.

5. Y: o último homem

Sem dúvida a melhor HQ que já li, esta série superou minhas expectativas e me envolveu numa aventura deliciosa de acompanhar. É um daqueles livros que você quer que outras pessoas leiam, só pra poder comentar. Resenha aqui.

diadolivro5

6. O fim da eternidade

Foi a primeira obra que li de Isaac Asimov e uma das primeiras ficções científicas. Até hoje, é meu favorito desse autor – tem uma história de amor linda, questionamentos inspiradores e um ritmo frenético, que surpreende, literalmente, até a última página. Além disso, é como eu sempre digo: histórias com viagem no tempo >>>>>> outras histórias.

7. O silêncio das montanhas

Este livro permanecerá na lista provavelmente até o autor lançar outro, já que ele demonstra sempre se superar a cada obra. Aliás, já resenhamos esta e também A cidade do sol.

8. Aristóteles e Dante descobrem os segredos do universo

Decidi escolher apenas um YA para esta lista, e este é o meu favorito (apesar da forte concorrência com os livros de E. Lockhart). Sensível, poético e muito, muito fofo, é um livro que você quer abraçar depois de ler. Resenha aqui.

9. As aventuras de Pi

Ainda não terminei de chorar por causa dessa história. Resenha aqui.

*

E você, quais são seus favoritos?

14 respostas em “[Lista] Nossos favoritos – Dia do Livro 2015

  1. Gosto muito de ver essas listas de favoritos, sempre tem coisa boa! Se eu fosse fazer uma hoje, nem saberia colocar os 10 melhores, tenho que pensar muito bem!!!! hauhauhuaha

    E é sempre bom ver Bernard Cornwell aí no meio. Vocês já chegaram a ler Crônicas Saxônicas, do mesmo autor? É sensacional!!

    Abraços e bom final de semana.

    • Repare que a minha lista tem 15, hahaha. Nem tentei escolher só 10. Impossível.

      Estou uns dois livros atrasada nas Crônicas Saxônicas (esse ano, espero, eu chego no último), e adoro a série. A Babi também está lendo! É fenomenal mesmo. Cornwell é demais ❤

  2. Passada com a quantia de livros que eu ainda não li! =s É legal de ver como estas listas de obras preferidas falam muito sobre o gênero favorito da pessoa né? Eu pouco leio fantasia (e isso fica evidente na minha lista)! Hahaha Muito legal de terem feito o post também, meninas! Beijos! =)

    • Não é? Estava fazendo a minha e só aparecia fantasia ou clássicos, haha. E gosto de ler as listas alheias, por mais que sempre me dê vontade de ler muitas coisas, haha.

  3. FIquei afim de compartilhar alguns amores de minha vida (também fora de ordem):

    1. Os homens que não amavam as mulheres (não necessariamente a trilogia, o primeiro já tá de bom tamanho)
    2. Reparação ❤ (e, claro, o filme "Desejo e reparação")
    3. Retrato de Dorian Gray (eta livro maravilhoso!)
    4. Admirável mundo novo (melhor distopia!)
    5. Persepolis (sei que é clichê, mas cara… me apaixonei)
    6. O jardim secreto (fui ler o livro já mais velha, mas sempre foi meu filme preferido da infância)
    7. A história sem fim (livro maravilhoso que acaba sendo considerado super infantil por ser filme da Sessão da Tarde, mas a história vai muito muito além)

    Pra completar, dois contos que eu acho super profundos e interessantes, mas não li em livros específicos: Casa Tomada, do Júlio Cortazar e A queda da casa de Usher, do Poe.

    • Só coisa boa, Sa! Sabe que eu nunca vi “O jardim secreto” na infância (pelo menos não me lembro), mas li o livro ano passado e adorei. Muito fofo.

      E esse conto do Poe é sensacional!

  4. Bah, tarefa difícil escolher os melhores livros.
    Tbm nao conseguiria colocar em ordem, mas os meus preferidos são Orgulho e Preconceito, Grandes Esperanças, Garota Exemplar, A verdade sobre o caso Harry Quebert, Cidades de Papel, Novembro de 63, O Assassinato de Roger Ackroyd, As Cronicas de Gelo e Fogo, …
    Das listas de vcs, tem vários que quero ler: Crime e Castigo, As Cronicas de Arthur (inclusive ja tenho o box), O sol é para todos, Laranja Mecanica e Aristoteles e Dante.
    Abraço,
    Alê
    http://www.alemdacontracapa.blogspot.com

    • Oi, Alexandre!
      Adoro Grandes Esperanças também! E O assassinato de Roger Ackroyd é maravilhoso, fiquei na dúvida entre colocar esse ou O caso dos dez negrinhos no post. Mas acho que ambos têm finais arrebatadores.
      Obrigada pela visita! 🙂

    • Alexandre, fiquei surpresa de você mencionar “Cidades de Papel”, acho que nunca vi este entre os favoritos de ninguém. Vou subir ele na minha lista de leituras! 😉

  5. Das 2 listas só li alguns, mas diversos deles me interessaram, especialmente “O Fim da Eternidade”. Ele na realidade já estava na lista de leitura, pois adoro esse título, mas agora que sei que trata de viagem no tempo virou prioridade. Também vou priorizar Cornwell, porque não paro de receber recomendações.
    Os meus atuais favoritos:
    1. A Crônica do Matador do Rei (incluindo A Música do Silêncio)
    2. Harry Potter
    3. Nobres Vigaristas
    4. Elantris
    5. As Crônicas de Gelo e Fogo
    Não necessariamente nessa ordem.

O que achou deste post?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s