[Com Opinião] Sanderson vs Rothfuss

Bolacha ou biscoito? Toddy ou Nescau? Sanderson ou Rothfuss?

As grandes batalhas da nossa era.

Os rapazes do Grumpycast fizeram um programa para enaltecer Brandon Sanderson e aproveitaram pra jogar lenha na fogueira e perguntar: quem é o melhor entre os dois? Se você não acompanha os grupos de discussão por aí, a comparação entre os autores da Cosmere e da Crônica do Matador do Rei é uma discussão recorrente, talvez porque eles estejam entre os escritores mais populares do gênero (não só aqui como lá fora), com fãs apaixonados dos dois lados.

Para o pessoal do cast, o Sanderson ganha de longe. Quem me conhece sabe que Brandon é meu salvador pessoal, mas sou uma enorme fã do Pat e achei alguns dos argumentos injustos. Mas como devemos respeitar a opinião alheia e aceitar com serenidade visões diferen… haaaa, brincadeira. Eu vim contra-argumentar ponto a ponto. Então vamos ver o que eles disseram!

Atenção: há spoilers da Crônica ao longo de todo o post.

War-Rothfuss-Sanderson

Pat: “Talvez mais majestoso que The Way of Kings.” Brandon: “1000% menos sexo com deusas aleatórias do que em The Wise Man’s Fear.” (x)

Continuar lendo

[Resenha] The Fifth Season

Esta resenha foi feita com base na edição da Little, Brown. A tradução dos trechos foi feita por mim.

fifthSinopse:

É assim que o mundo acaba… pela última vez. Uma estação de finais se iniciou. Ela começa com a grande fissura rubra através do coração do único continente do mundo, expelindo cinzas que bloqueiam o sol. Começa com morte, com um filho assassinado e uma filha perdida. Começa com traição e feridas dormentes emergindo para infeccionar. Esta é a Quietude, uma terra familiarizada com a catástrofe, onde o poder da terra é empunhado como uma arma. E onde não há misericórdia.

Fonte: Little, Brown

Continuar lendo

[Semana da Mulher] Robin Hobb

hobb

Robin Hobb (pseudônimo de Megan Lindholm) publicou o primeiro volume da série Realm of the Elderlings em 1995, e o 16º e último livro está prestes a ser lançado. Quem acompanha o blog sabe que eu dediquei boa parte de 2015 a essa série, que se tornou uma das minhas preferidas. Foram quinze resenhas, nas quais dá para acompanhar minha passagem de fã casual para pessoa sem controle sobre suas emoções que soluça abraçada com o livro.

Nas resenhas eu faço críticas às obras, mas esta semana estamos celebrando nossas autoras preferidas, então vou pular os problemas e focar nos motivos que me fizeram amar esses livros e sua autora. Deixa eu ser tiete, vai…

Continuar lendo

[Resenha] História de quem foge e de quem fica

Esta resenha foi feita com base no ebook da Edizioni e/o e contém spoilers dos outros livros da série. A tradução de trechos foi feita por mim.

fogeSinopse:

No terceiro volume da série napolitana, Lenu e Lila partem para os embates da vida adulta. Numa sequência angustiante e sem espaço para a inocência de outrora, Elena Ferrante coloca o leitor no meio do turbilhão que se forma das amizades, das relações sociais e dos interesses individuais. História de quem foge e de quem fica é uma obra de arte a respeito do amor, da maternidade, da busca por justiça social e de como é transgressor ser mulher em um mundo comandado pelos homens.

Fonte: Livraria Cultura

Continuar lendo

[Resenha] História do novo sobrenome

Esta resenha foi feita com base no ebook da Edizioni e/o e contém spoilers do primeiro livro da série, A amiga genial. A tradução de trechos foi feita por mim.

sobrenomeSinopse:

Neste segundo romance da chamada série napolitana, veremos suas duas protagonistas, Lila e Elena, crescerem, e com elas todas as dores e as delícias de sua juventude em meio a um mundo repleto de caminhos que se abrem enquanto portas se fecham – se a sabedoria, o crescimento e o amor são possibilidades, eles ocorrem em um cenário limitado por uma disposição social por vezes cruel. Neste maravilhoso romance de formação de duas meninas, certamente o leitor vai se surpreender ainda mais com as possibilidades do universo de Elena Ferrante – esse mundo árido, tenso, delicado, profundo e, sobretudo, humano.

Fonte: Livraria Cultura

Continuar lendo

[Resenha] Sombras

capasombrasSinopse:

Um lobisomem pressente quando vai morrer. Esta é a história de Domenico Trovatelli, o lobisomem mais velho do mundo. Enquanto se prepara para sua última transformação em um convento no interior de Minas Gerais, Nico conta sua história. Uma história de espada e magia, sangue e flores, lealdade e amor.

Fonte: Amazon

Continuar lendo

[Resenha] A amiga genial

Esta resenha foi feita com base no ebook da Edizioni e/o. A tradução de trechos foi feita por mim.

amiga_genial_CAPA.pdf

Sinopse:

A amiga genial é narrado pela personagem Elena Greco e cobre da infância aos 16 anos. As meninas se conhecem em uma vizinhança pobre de Nápoles, na década de 1950. Elena, a menina mais inteligente da turma, tem sua vida transformada quando a família do sapateiro Cerullo chega ao bairro e Raffaella, uma criança magra, mal comportada e selvagem, se torna o centro das atenções. Essa menina, tão diferente de Elena, exerce uma atração irresistível sobre ela.

Fonte: Livraria Cultura

Continuar lendo

[Resenha] Lobo de rua

hd_loboSinopse:

Raul é um morador de rua, um homem invisível e desgraçado como tantos outros. Como se sua desgraça não fosse suficiente, Raul contrai a maldição da licantropia, tornando-se um lamentável lobo de rua. Tito Agnelli não compartilha do abandono de Raul, mas conhece muito bem a sensação de ser rasgado por dentro, todos os meses, pela coisa vil que se abriga nele. Assim, compadecido com o sofrimento do recém-transformado, Tito acolhe Raul na Alcateia de São Paulo, extinta até então por falta de lobisomens residentes na Pauliceia. Depois de décadas de contaminação, Tito conhece cada detalhe da maldição que o transforma em lobisomem. Além disso, conhece também a Galeria Creta, um lugar em São Paulo onde ele e outros dos seus são bem-vindos nas noites de lua.

Fonte: Dame Blanche

Continuar lendo

[Resenha] Coração de Aço

coracaodeacoSinopse:

Misteriosamente várias pessoas, de diferentes origens, recebem superpoderes, mas são corrompidas por eles e tornam-se vilões cruéis. Após tomarem o controle das cidades para si, eles criam uma nova realidade distópica, submetendo os humanos a uma vida de servidão. Isso aconteceu há dez anos, quando David viu seu pai ser morto por Coração de Aço, ditador de Nova Chicago. Agora, ele se dedica a estudar as fraquezas desse e de outros supervilões, planejando fazer parte do misterioso grupo dos Executores, pessoas comuns com a ousada missão de matar os tiranos um a um.

Fonte: Aleph

Continuar lendo