[Resenha] Até que a culpa nos separe

culpaSinopse:

A história toda começa com um churrasco. Um churrasco no jardim de uma bela casa numa tarde ensolarada. Meses depois, cada convidado guarda uma lembrança diferente daquele dia. Todos têm seus motivos. E ninguém quer levar a culpa. Enquanto tentam juntar as peças do que aconteceu, importantes verdades e segredos difíceis vêm à tona.

Fonte: Intrínseca

Continuar lendo

[Resenha] Quinze dias

15diasSinopse:

Felipe está esperando por esse momento desde que as aulas começaram – o início das férias de julho. Finalmente ele vai poder passar alguns dias longe da escola e dos colegas que o maltratam. Os planos envolvem se afundar nos episódios atrasados de suas séries favoritas, colocar a leitura em dia e aprender com tutoriais no YouTube coisas novas que ele nunca vai colocar em prática. Mas as coisas fogem um pouco do controle quando a mãe de Felipe informa que concordou em hospedar Caio, o vizinho do 57, por longos quinze dias, enquanto os pais dele estão viajando. Felipe entra em desespero porque a) Caio foi sua primeira paixãozinha na infância (e existe uma grande possibilidade de essa paixão não ter passado até hoje) e b) Felipe coleciona uma lista infinita de inseguranças e não tem a menor ideia de como interagir com o vizinho. Os dias que prometiam paz, tranquilidade e maratonas épicas de Netflix acabam trazendo um turbilhão de sentimentos, que obrigarão Felipe a mergulhar em todas as questões mal resolvidas que ele tem consigo mesmo.

Fonte: Livraria Cultura

Continuar lendo

[TAG] 50% – Os melhores e piores do primeiro semestre

O ANO JÁ PASSOU DA METADE, MINHA GENTE.

Estamos sobrevivendo a 2017, tenham forças! E forças pra continuar encarando a lista de leitura – que, se vocês se comportaram direitinho, também já deveria estar pela metade. *cof cof*

Nesta tag traduzida pelo canal Geek Freak, vamos contar como andam as nossas leituras até agora.

tag50.png

Continuar lendo

[Resenha] The Gentleman’s Guide to Vice and Virtue

Esta resenha foi feita com base no e-book em inglês da Harper Collins. Todas as traduções de trechos foram feitas por mim.

guideotviceSinopse:

Henry “Monty” Montague não se importa que suas paixões estejam longe de ser adequadas para o cavalheiro que ele nasceu para ser. Mas quando Monty embarca em sua grande turnê da Europa, suas buscas por prazer e vício podem estar chegando ao fim. Não só seu pai espera que ele assuma a propriedade da família quando voltar, como Monty também está escondendo uma queda impossível por seu melhor amigo e companheiro de viagem, Percy.

Monty jura tornar essa viagem de um ano uma última celebração hedonista e flertar com Percy de Paris a Roma. Mas, quando uma de suas decisões imprudentes transforma a viagem em uma perseguição angustiante, tudo que ele sabe é colocado em questão, incluindo seu relacionamento com o rapaz que adora.

Fonte: Kobo

Continuar lendo

[Resenha] O ódio que você semeia

Esta resenha foi escrita com base no audiolivro em inglês da Harper Audio. Todas as traduções de trechos foram feitas por mim.

ódio-que-você-semeiaSinopse:

Uma história juvenil repleta de choques de realidade. Um livro necessário em tempos tão cruéis e extremos. Starr aprendeu com os pais, ainda muito nova, como uma pessoa negra deve se comportar na frente de um policial. Não faça movimentos bruscos. Deixe sempre as mãos à mostra. Só fale quando te perguntarem algo. Seja obediente. Quando ela e seu amigo, Khalil, são parados por uma viatura, tudo o que Starr espera é que Khalil também conheça essas regras. Um movimento errado, uma suposição e os tiros disparam. De repente o amigo de infância da garota está no chão, coberto de sangue. Morto. Em luto, indignada com a injustiça tão explícita que presenciou e vivendo em duas realidades tão distintas (durante o dia, estuda numa escola cara, com colegas brancos e muito ricos – no fim da aula, volta para seu bairro, periférico e negro, um gueto dominado pelas gangues e oprimido pela polícia), Starr precisa descobrir a sua voz. Precisa decidir o que fazer com o triste poder que recebeu ao ser a única testemunha de um crime que pode ter um desfecho tão injusto como seu início. Acima de tudo Starr precisa fazer a coisa certa. Angie Thomas, numa narrativa muito dinâmica, divertida, mas ainda assim, direta e firme, fala de racismo de uma forma nova para jovens leitores. Este é um livro que não se pode ignorar.

Fonte: Saraiva

Continuar lendo

[Resenha] Em algum lugar nas estrelas

algulugarcapaSinopse:

Em Algum Lugar nas Estrelas é um romance intenso sobre a difícil arte de crescer em um mundo que nem sempre parece satisfeito com a nossa presença. Pelo menos é desse jeito que as coisas têm acontecido para Jack Baker. Sua mãe morreu e seu pai… bem, seu pai nunca demonstrou se preocupar muito com o filho. Jack é então levado para um internato no Maine. O colégio militar, o oceano que ele nunca tinha visto, a indiferença dos outros alunos – tudo aquilo faz Jack se sentir pequeno. Até ele conhecer o enigmático Early Auden.

Fonte: Livraria Cultura

Continuar lendo

[Resenha] A rainha de Tearling

tearlingcapaSinopse:

Quando a rainha Elyssa morre, a princesa Kelsea é levada para um esconderijo, onde é criada em uma cabana isolada, longe das confusões políticas e da história infeliz de Tearling, o reino que está destinada a governar. Dezenove anos depois, os membros remanescentes da Guarda da Rainha aparecem para levar a princesa de volta ao trono – mas o que Kelsea descobre ao chegar é que a fortaleza real está cercada de inimigos e nobres corruptos que adorariam vê-la morta.

Fonte: Companhia das Letras

Continuar lendo

[Resenha] Dívida de honra

Esta resenha contém SPOILERS do primeiro volume da trilogia Aftermath, Marcas da guerra.

dividaSinopse:

O imperador está morto, e os vestígios de seu derrotado governo estão recuando. Na emocionante continuação de STAR WARS: Marcas da guerra, a Nova República luta para instaurar uma paz estável na galáxia após a destruição da segunda Estrela da Morte. É um momento de novos começos e novos destinos e, para Han Solo, isso significa pagar uma última dívida, ajudando Chewbacca a libertar seu mundo natal, Kashyyyk. Enquanto isso, o grupo de Norra Wexley persegue agentes imperiais remanescentes pela galáxia, levando-os à justiça. Mas ainda não conseguiram capturar a grã-almirante Rae Sloane, a nova líder do Império, uma mente ardilosa e disposta a tudo para restaurar a antiga ordem política. A caça a Sloane é interrompida quando Norra recebe um pedido de ajuda urgente da princesa Leia Organa. Em sua tentativa de libertar Kashyyyk, Han e seu grupo de contrabandistas caíram em uma emboscada, que resultou na captura de Chewie e no desaparecimento de Han. Agora, alguém precisa resgatá-los; e quem melhor que esse desajustado time, que inclui agentes rebeldes, um ex-imperial, uma caçadora de recompensas, um aspirante a piloto e um droide psicopata, para trazer Han Solo de volta para casa? Ao aceitar a missão e seguir para a última localização da Millenium Falcon, Norra e sua equipe se preparam para qualquer desafio que possa dificultar essa busca. Mas eles nem imaginam a verdadeira dimensão dos perigos que os aguardam – ou a crueldade implacável do inimigo que os está encurralando.

Fonte: Editora Aleph

Continuar lendo

[Especial] Dia do orgulho LGBT+

LGBTFLAG

Aqui no Sem Serifa, sempre tentamos conscientizar os leitores sobre a importância da diversidade na literatura. Os leitores hétero e cis-gênero, justamente por serem amplamente representado em todas as mídias, muitas vezes não têm noção do vazio deixado pela falta de representatividade. Mas os leitores LGBT percebem essa lacuna, e acreditamos que é preciso combatê-la e parar de tratar personagens hétero como regra e todos os outros como exceção.

O maravilhoso Chuck Wendig resume bem a questão nesta série de tuítes que estamos discretamente tentando tornar virais:

E como este blog também tem incríveis leitores que fazem parte desse público, para comemorar o dia mundial do orgulho LGBT+, pedimos a alguns deles que nos enviassem seus depoimentos sobre o assunto.

Continuar lendo